Figueira da Foz

Pescador das Caxinas morreu em naufrágio de barco na Figueira da Foz

Pescador das Caxinas morreu em naufrágio de barco na Figueira da Foz

Um pescador das Caxinas morreu, esta quarta-feira, na sequência de um naufrágio de um barco de pesca, cerca das 12 horas, ao largo da Figueira da Foz. Quatro pescadores foram resgatados. Embarcação está registada nas Caxinas.

O barco tinha cinco pessoas a bordo e quatro foram resgatadas por outros barcos de pesca que estavam nas imediações. Um pescador foi dado como desaparecido, tendo sido entretanto encontrado, mas já sem vida.

"Infelizmente confirma-se o pior, o pescador que estava desaparecido foi encontrado já sem vida", disse o comandante dos Bombeiros Municipais da Figueira da Foz, Nuno Osório. Ao que o JN apurou, a vítima mortal era o mestre da embarcação, batizada como "Rúben e Bruna".

De acordo com o comandante Paulo Vicente, porta-voz da Marinha, os quatro pescadores foram resgatados por uma outra embarcação de pesca, enquanto o que morreu foi encontrado pelo salva-vidas do Instituto de Socorros a Náufragos instalado na Figueira da Foz, distrito de Coimbra.

De acordo com José Grilo Gonçalves, diretor clínico do Hospital Distrital da Figueira da Foz, os quatro sobreviventes têm entre 27 e 48 anos, o mais novo deu entrada na unidade de saúde com queixas nas zonas lombar e cervical e vai ser sujeito a exames complementares de diagnóstico.

"Foi visto por um cirurgião e tem os parâmetros absolutamente normais. Está consciente e perfeitamente orientado, mas choroso, porque era cunhado do mestre" da embarcação, a única vítima mortal do naufrágio.

"O naufrágio ocorreu a cerca de 13 milhas a sul da Figueira da Foz. A embarcação tinha cinco pescadores, quatro foram resgatados por uma outra embarcação", disse Nuno Osório, em declarações à RTP Internacional.

PUB

José Festas, presidente da Associação Pró-Maior, Segurança dos Homens do Mar, disse que a embarcação estava registada nas Caxinas, Vila do Conde, distrito do Porto. Era, de acordo com a mesma fonte, uma embarcação de pesca costeira artesanal.

Até ao momento são desconhecidas as causas do naufrágio, mas segundo o comandante, o mar apresenta "boas condições" para a pesca.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG