Faro

Falta de mão de obra na hotelaria e turismo é "problema estrutural" do Algarve

Foto Dr

AHETA apela aos municípios para a "necessidade de políticas de habitação ativas a custos controlados" para atrair mão de obra de todo o país.

A falta de mão de obra, "em quantidade e qualidade para responder às necessidades empresariais do setor hoteleiro e turístico", é "um dos maiores problemas estruturais do Algarve na atualidade", considera a Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA).

Leia mais em Sul Informação