Polícia Marítima

Perseguição policial na ria de Faro deixa pescador ferido

Perseguição policial na ria de Faro deixa pescador ferido

Uma operação levada a cabo pela Polícia Marítima, durante a madrugada desta sexta-feira, na ria de Faro, culminou com um embate acidental numa embarcação com duas pessoas a bordo, tendo uma delas seguido de urgência para o hospital.

Pelas 6.30 horas, no âmbito de uma ação de policiamento e fiscalização na Ria da Faro, a Polícia Marítima local "surpreendeu em flagrante delito uma embarcação que se encontrava em atividade de pesca ilegal, tendo a mesma encetado fuga", pode ler-se em nota publicada no site daquela força policial.

Durante a perseguição, a cerca de 200 metros do cais de passageiros de Faro, a embarcação da Polícia Marítima foi embater acidentalmente contra um outro barco de pesca, de pequenas dimensões, que navegava na ria.

Segundo o comunicado da Polícia Marítima, um dos dois tripulantes que seguiam a bordo da pequena embarcação necessitou de assistência médica urgente, tendo sido transportado para o cais e encaminhado de urgência pelo INEM para o Hospital de Faro. O prognóstico da vítima, de 65 anos, é, até ao momento, reservado.

A Polícia Marítima, que interrompeu a perseguição para prestar auxílio, já enviou "um psicólogo da Polícia Marítima para apoio da família do pescador e dos operacionais envolvidos no acidente".

ver mais vídeos