Funchal

Vento forte afeta movimento no Aeroporto da Madeira

Vento forte afeta movimento no Aeroporto da Madeira

O movimento de aterragens e descolagens no aeroporto da Madeira está condicionado devido ao "forte vento" naquela zona da ilha.

Segundo fonte aeroportuária, o primeiro voo afetado foi o de uma avião da Easyjet (EZY5137) proveniente do aeroporto londrino de Gatwick, que teve divergir para o Porto Santo e acabou por ser cancelado.

Uma outra ligação desta companhia proveniente de Manchester (Reino Unido), o EZY1971, também não conseguiu aterrar na ilha da Madeira e rumou ao Porto Santo, acabando por divergir para Lisboa.

A mesma fonte referiu que as condições atmosféricas adversas também afetaram uma viagem do avião da Carpatair (KRP2311) proveniente do Porto, que divergiu igualmente para a denominada Ilha Dourada.

Também o avião da Aerovip, uma pequena aeronave que assegura as ligações aéreas as duas ilhas do arquipélago, ainda está no Porto Santo e não pôde regressar à Madeira ao princípio da noite.

O voo da TAP 1691, com aterragem prevista para as 21.40 horas, foi cancelado, "tendo o problema provocado reflexos nas partidas respetivas destes voos", destacou a mesma fonte.

Entre os voos afetados está o que transportava a equipa do F.C. Porto, que devia ter aterrado pelas 19.15 horas no Aeroporto da Madeira, onde irá defrontar sábado a equipa do União, num jogo a contar para a nona jornada da I Liga do futebol português.

Outros Artigos Recomendados