Covid-19

Treze infetados em lar ilegal em Almeida

Treze infetados em lar ilegal em Almeida

Dez idosos e três funcionárias de um lar ilegal na localidade de Freixo, no concelho de Almeida, distrito da Guarda, estão infetados com covid-19.

A Unidade de Saúde Pública testou toda a comunidade na quinta-feira, depois de um dos utentes ter testado positivo e ter sido internado no Hospital distrital. O rastreio confirmou o surto, comunicado entretanto ao Centro Distrital de Segurança Social.

Para já, a prioridade é tratar os doentes, mas, soube o JN, imediatamente a seguir, serão acionados os meios legais para encerrar o lar, que não tem licenciamento nem condições para albergar 12 idosos. Havendo contratos para o efeito, a lei permite que uma residência possa ter três pessoas alojadas, mas, neste caso concreto, a dona viola a legislação em vigor, na medida em que não possui licenciamento da Segurança Social para funcionar como estrutura residencial para idosos.

Apesar das tentativas, não foi possível falar com a proprietária, nem com a Câmara de Almeida que, em cooperação com a Saúde Pública, deve tomar conta da situação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG