JN Rede de Notícias

Comissão criada na Guarda para coordenar resposta à pandemia demitiu-se

Comissão criada na Guarda para coordenar resposta à pandemia demitiu-se

A comissão criada na Unidade Local de Saúde da Guarda para coordenar a resposta à pandemia da covid-19 demitiu-se em bloco, após "uma situação de divergência" com a administração, revelou esta terça-feira o presidente.

O diretor do serviço de pneumologia e coordenador da equipa multidisciplinar para a covid-19 na Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda, Luís Ferreira, reconhece que na segunda-feira pediu a demissão de coordenador. Os restantes elementos foram solidários e também se demitiram de funções: "Apresentei a demissão pessoal e os outros elementos acharam que deviam ser solidários com a minha posição".

Luís Ferreira apresentou a demissão de presidente da comissão covid-19 porque "ocorreu uma situação de divergência" com um elemento da administração da ULS da Guarda, sem especificar: "Ocorreu uma situação de divergência em que eu achei que foi clara uma desconsideração para comigo, na qualidade de presidente da comissão, e não podia ser conivente com essa situação e tomei a decisão que achei mais adequada, que foi pedir a demissão, que é um ato absolutamente legítimo".

Leia mais em Jornal do Centro

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG