O Jogo ao Vivo

Maia & Borges

Empresa de brinquedos prevê criar 90 postos de trabalho na Guarda

Empresa de brinquedos prevê criar 90 postos de trabalho na Guarda

Uma empresa do ramo dos brinquedos vai instalar-se na cidade da Guarda e criar "90 postos de trabalho até 2025", anunciou esta sexta-feira o município.

Segundo o presidente da Câmara Municipal da Guarda, Carlos Chaves Monteiro, a unidade de fabrico e pintura de brinquedos vai ocupar um espaço que "tem condições para albergar, neste momento, cerca de 12 a 14 trabalhadores", aumentando "brevemente" o número de operários para as duas dezenas.

Quando a empresa atingir "velocidade de cruzeiro", o número de trabalhadores "pode chegar aos 90", acrescentou o autarca.

De acordo com o responsável, a atividade a desenvolver pela unidade empresarial passará pela pintura de brinquedos "para uma empresa alemã, que depois entrarão no mercado europeu e internacional".

Carlos Chaves Monteiro admite que a empresa Maia & Borges, com sede na Maia, poderá ter "o centro na cidade da Guarda" com os "12 a 14 postos de trabalho iniciais" que o município pretende que, no futuro, "sejam mais".

O autarca adiantou que já reuniu com o investidor, juntamente com a vereadora do município da Guarda que é responsável pelo pelouro do empreendedorismo, Cecília Amaro, a quem foram indicadas as "medidas concretas" municipais "para poder apoiar a criação desses novos postos de trabalho".

"Queremos, efetivamente, que a Guarda possa ter capacidade competitiva para atrair não só os negócios, mas também a mão-de-obra qualificada necessária para poder dinamizar estas iniciativas", rematou Carlos Chaves Monteiro.

Segundo informação disponibilizada pela Câmara, a referida empresa quer instalar uma nova unidade de produção na Guarda e a reunião realizada na quinta-feira, no Espaço Empresa da autarquia, "teve como objetivo apresentar junto do investidor o Regulamento de Apoio ao Investimento, bem como outros instrumentos de apoio em vigor".

A fonte refere ainda que a empresa pretende "criar um 'Innovation Lab' para testar novos materiais e técnicas para incrementar a eficiência e a competitividade".

"A Maia & Borges Lda., que se dedica ao ramo dos brinquedos, pretende contratar 40 colaboradores até ao final do ano, sendo expectável a criação de 90 postos de trabalho até 2025", conclui.