Pinhel

Criança de quatro anos morreu num acidente com trator manobrado pelo pai

Criança de quatro anos morreu num acidente com trator manobrado pelo pai

Um menino de quatro anos morreu, sábado, na localidade de Alverca da Beira, no concelho de Pinhel, ao escorregar de um trator que era manobrado pelo pai e cair dentro de uma trituradora de mato, em funcionamento, atrelada ao veículo agrícola.

O acidente aconteceu perto do meio dia, num terreno de olivais, em Alverca da Beira, propriedade do pai, Filipe Pires, engenheiro de 36 anos e dirigente da Adega Cooperativa Beirra Serra de Vila Franca das Naves, Trancoso, concelho onde reside.

Dirigiu-se de trator para o terreno e levou os filhos, um menino de 4 anos e uma menina de 7, que presenciou tudo.

"O pai, doido pelos filhos, levava-os para todo o lado e era habitual transportá-las em cima do trator", contou ao JN Fernando Madeira, afilhado da avó da vítima.

Segundo relata, a menina seguia no trator, junto ao pai, e o menino, António Manuel, estava sentado atrás, em cima da bateria.

"O pai, ao passar com o trator rente a uma oliveira terá dito à criança para se baixar, mas a criança escorregou e caiu dentro da trituradora", conta José Henriques, primo da família.

Quando os bombeiros voluntários de Pinhel chegaram "o menino estava preso entre as lâminas do triturador de mato e sem vida", confirmou ao JN o comandante, José Santos.

"O pai estava completamente desorientado e em estado de choque, assim como a avó das crianças que chegou entretanto", acrescentou o comandante. Os psicólogos do INEM do Porto foram acionados.

A GNR está a investigar e Filipe Pires poderá responder por um crime de homicídio por negligência.