JN Rede de Notícias

Enfermeiros do Centro Hospitalar de Leiria reclamam descongelamento das carreiras

Enfermeiros do Centro Hospitalar de Leiria reclamam descongelamento das carreiras

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses voltou a reclamar, esta terça-feira, o descongelamento da progressão da carreira dos profissionais do Centro Hospitalar de Leiria (CHL), reivindicação que tem vindo a exigir consecutivamente ao Conselho de Administração (CA).

"Há mais de dois anos que tentamos que sejam resolvidos os problemas relativos aos descongelamentos das progressões dos enfermeiros. A maior parte dos enfermeiros ainda não tiveram qualquer reposicionamento, apesar de tal estar previsto na lei", adianta o diretor regional do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), Rui Marroni.

O dirigente sindical lamenta que o CHL, que integra os hospitais de Santo André, em Leiria, Distrital de Pombal, e Bernardino Lopes de Oliveira, em Alcobaça, "pertença àquele grupo de hospitais que não fizeram esse reposicionamento" e "não contaram pontos para os enfermeiros que transitaram para o nível 15". Rui Marroni sublinha que a concentração de oito enfermeiros, em representação dos 800 que trabalham no CHL, "é uma ação simbólica" que evitou um ajuntamento num período de pandemia.

Leia mais em Jornal de Leiria

Outras Notícias