Luto

Vereadora da Marinha Grande morre de doença súbita

Vereadora da Marinha Grande morre de doença súbita

A vereadora do município da Marinha Grande Mêlina Mira Domingues, eleita pelo Movimento pela Marinha (MpM), morreu na manhã deste sábado de doença súbita.

Mêlina Domingues, de 42 anos, casada, residia na Praia da Vieira e deixa dois filhos menores, de 14 e nove anos. Licenciada em Marketing e Comércio Internacional, era diretora de qualidade de uma empresa sediada em Leiria e vereadora da oposição na autarquia da Marinha Grande, sem pelouros, em regime de substituição.

"É uma perda muito importante de uma pessoa que era muito respeitada e tinha grande capacidade de trabalho, na qual apostávamos para no futuro implantar a certificação de qualidade nos serviços municipais", disse o líder do MpM, Aurélio Ferreira.

Numa mensagem na página da Câmara, a presidente do município, Cidália Ferreira (PS), anunciou três dias de luto municipal, entre domingo e terça-feira, e a colocação da bandeira do município a meia haste.

"São ainda canceladas todas as atividades de animação durante o dia de hoje e domingo, no âmbito da abertura da época balnear na Praia da Vieira de Leiria, de onde era natural e residente a vereadora Melina Mira", refere a autarca, que apresentou condolências à família.