O Jogo ao Vivo

Lisboa

Marginal de Cascais cortada ao trânsito devido a degradação de muro

Marginal de Cascais cortada ao trânsito devido a degradação de muro

A circulação rodoviária na faixa da direita da Avenida Marginal, sentido Cascais-Lisboa, está encerrada desde a noite desta segunda-feira, entre a rotunda de S. Pedro e o cruzamento da Parede, devido à degradação do muro, anunciou a Câmara Municipal de Cascais.

"A decisão da Câmara Municipal de Cascais deve-se ao estado de degradação do muro (paredão) que serve de contenção à estrada nacional 6 (Marginal), ao longo de uma extensão de mais de 300 metros", refere a autarquia, liderada por Carlos Carreiras (PSD), num comunicado publicado no site da edilidade. Segundo o documento, a circulação está encerrada desde as 20 horas, uma vez que estava em causa a "segurança de pessoas e bens".

"Após uma atenta análise local e com o suporte técnico de pareceres do serviço municipal de Proteção Civil verificou-se que há um risco objetivo para a segurança para quem circula naquela importante artéria", defende a autarquia.

A deterioração das condições meteorológicas, prevista para os próximos dias, poderão, segundo a autarquia criar "situações de elevada perigosidade na segurança rodoviária". A CMC lembra que a "Marginal" é uma estrutura da IP (Infraestruturas de Portugal ) e explica que o líder do município, citado no doumento, "não podia ficar de braços cruzados".

"Portugal tem um histórico de facilitismo que está na origem de graves acidentes, inclusivamente com perdas de vidas, e, face à análise técnica e da observação local, a Câmara Municipal de Cascais não podia ficar de braços cruzados à espera de que nada sucedesse", afirma. Carlos Carreiras vai estar na manhã de terça-feira no local para analisar e definir o projeto de intervenção urgente no muro de contenção da avenida Marginal.