Lisboa

Enfermeira do Hospital Santa Maria desaparecida

Enfermeira do Hospital Santa Maria desaparecida

Célia Paulo, 49 anos, está desaparecida desde a tarde de segunda-feira, em Lisboa. Os três filhos adolescentes e amigos estão a pedir ajuda nas redes sociais.

A enfermeira do Hospital de Santa Maria trabalha no serviço de ginecologia e deveria ter entrado ao serviço às 15.30 horas de segunda-feira, dia 18 de janeiro, mas não compareceu no local de trabalho. "Ela trabalha muito, agora estava só a trabalhar no Santa Maria porque o hospital está a precisar mais e, embora não trabalhasse na ala covid-19, estava ao lado onde a pressão é enorme. Andava mais cansada. Na segunda-feira levou tudo para trabalhar", explica Graça Lopes, amiga de Célia, ao JN.

Célia Paulo "vestia calças verdes e casaco vermelho" quando os filhos a viram pela última vez. Terá sido vista "desorientada" pela última vez por populares, na terça-feira às 19 horas, no Paço do Lumiar, altura em que o telemóvel se desligou. Os familiares e amigos, que têm colaborado nas buscas pela enfermeira, acreditam que esta estará na área de residência, em Telheiras. É a primeira vez que acontece um episódio deste género.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG