Lisboa

Maria de Lurdes Rodrigues eleita reitora do ISCTE 

Maria de Lurdes Rodrigues eleita reitora do ISCTE 

A ex-ministra da Educação Maria de Lurdes Rodrigues foi, esta sexta-feira, eleita reitora do ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa para o período 2018-2022, sendo a primeira vez que uma mulher vai liderar a instituição.

Numa nota divulgada no site da instituição, o ISCTE adianta que Maria de Lurdes Rodrigues foi eleita reitora daquela universidade pelo Conselho Geral com 22 votos, cabendo a homologação da decisão ao Conselho de Curadores, cuja reunião decorrerá nos próximos dias.

Além de Maria Lurdes Rodrigues, professora naquela universidade, concorreram ao lugar de reitor do ISCTE outros três candidatos, dois dos quais também docentes na instituição.

O ex-presidente da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, professor catedrático e vice-reitor para as relações internacionais e e-learning do ISCTE Nuno Guimarães somou 10 votos, o professor catedrático de ciências de comunicação do ISCTE Gustavo Cardoso um voto e Cláudio Starec, jornalista e académico brasileiro, não teve qualquer voto.

No decurso do processo de apresentação de candidaturas, a Comissão Eleitoral do ISCTE recusou seis candidatos por irregularidades na instrução dos processos.

Antes das eleições de hoje, os candidatos submeteram-se ainda a uma audição pública perante o Conselho Geral do ISCTE, presidido pelo ex-ministro da Educação Júlio Pedrosa, realizada na quinta-feira.

Maria de Lurdes Rodrigues, ministra da Educação entre 2005 e 2009, no primeiro Governo de José Sócrates, é professora associada com agregação no ISCTE-IUL, instituição onde se licenciou e doutorou em sociologia e onde leciona desde 1986, além de investigadora do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia.

A recém-eleita reitora do ISCTE foi ainda, entre 2010 e 2013, presidente do conselho de administração da FLAD-Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento.

ver mais vídeos