Lisboa

Jovem de 24 anos desaparecido desde sábado após rixa à porta de discoteca

Jovem de 24 anos desaparecido desde sábado após rixa à porta de discoteca

Um jovem de 24 anos está desaparecido desde a noite de sábado, tendo sido visto a última vez, por amigos, no exterior de uma discoteca do Parque das Nações, em Lisboa, onde se terá envolvido numa rixa. A família está desesperada e já alertou as autoridades mas, até esta terça-feira, não tem qualquer pista sobre o que terá acontecido.

Filipe Justino dos Reis, 24 anos, de nacionalidade brasileira e barbeiro de profissão, saiu na noite de sábado com amigos, tendo-se deslocado até à discoteca "Cenoura do Rio", na zona do Parque das Nações. "Ele saiu para apanhar ar e urinar e vieram uns quatro ou cinco contra ele, segundo os amigos", conta ao JN Paulo Reis, irmão do jovem desaparecido.

O mesmo testemunho conta que Filipe saiu a correr do local "provavelmente alertado pelo som das sirenes do INEM", tal como dois elementos do grupo com quem se havia envolvido. "A partir daí, não sabemos de mais nada. Ele estava sem bateria no telemóvel e não houve mais contacto. As redes sociais também não têm qualquer atividade desde essa altura", revela, desesperado, o irmão.

Filipe é casado e reside na zona de Sacavém, Loures. Segundo o irmão, trata-se de um "indivíduo muito tranquilo", pelo que não encontra explicação para o que se terá passado. A família contactou todos os hospitais da zona de Lisboa, o Instituto de Medicina Legal e a PSP. "Ele não deu entrada em nenhum lado e a PSP disse-nos apenas que iniciou a investigação", conta Paulo Reis.

"Queremos saber o que se passou, estão a ser horas muito difíceis para todos. Não sabemos se foi raptado, executado ou algo assim", conclui o irmão, apelando a que quem tenha informações credíveis entre em contacto com a família ou com as autoridades.