Covid-19

Movimento tech4COVID19 já está a receber equipamento hospitalar

Movimento tech4COVID19 já está a receber equipamento hospitalar

Projeto criado há uma semana para angariar material hospitalar já conta com 140 mil luvas e 4000 máscaras.

O Tech4COVID19, um movimento criado há uma semana para ajudar o país na luta contra o covid-19, já começou a receber material hospitalar para entregar às unidades de saúde com maior carência de utensílios. Já angariou 140 mil luvas, 4000 máscaras cirúrgicas, dezenas de óculos descartáveis, batas, toucas, cobre, sapatos e desinfetante. Os materiais foram doados pelo Núcleo Regional do Sul da Liga Portuguesa contra o Cancro, pelo Instituto de Tecnologia Química e Biológica e pelo Instituto Gulbenkian de Ciência.

O Projeto Material Hospitalar, um dos 12 projetos do Tech4COVID19, vai continuar a receber equipamentos de outras sete instituições de investigação científica, que já confirmaram o apoio à iniciativa de angariação de material hospitalar. "O objetivo é angariar equipamentos de proteção individual, ventiladores e testes de despiste ao covid-19, que, como é sabido, são bens escassos e imprescindíveis para os profissionais que formam a linha da frente deste exército de agentes de saúde pública", avança o movimento. O material será entregue às Administrações Regionais de Saúde, que o distribuirão depois pelas unidades de saúde do país, "em função da carência e urgência".

O projeto, apenas com uma semana, está em articulação direta com as Administrações Regionais de Saúde e tem o apoio da Ordem dos Médicos, da Ordem dos Farmacêuticos e da Ordem dos Enfermeiros. "A interlocução com o Infarmed é crítica para garantir que os materiais produzidos são certificados e respeitam as determinações da Organização Mundial de Saúde, oferecendo a segurança necessária para os profissionais de saúde", sublinha o Tech4COVID19.

Mais de 3000 pessoas juntaram-se há uma semana para criarem uma plataforma tecnológica que responda a dúvidas sobre o novo coronavírus. No site, http://tech4covid19.org/ , já se pode aceder a alguns dos projetos em curso, como este Projeto Material Hospitalar, que conta com 200 pessoas. As empresas envolvidas no Tech4COVID19 são de áreas tão variadas como "a cibersegurança, saúde, manutenção, recursos humanos, consultoria, serviços na nuvem, comércio eletrónico, dispositivos médicos, entre muitas outras".

Numa mensagem pública dirigida aos voluntários do Tech4COVID19, o presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse que o trabalho desta plataforma "é essencial, nestas semanas e nestes meses, em que se precisa muitíssimo de acorrer a necessidades, e em que sozinha a máquina do Estado e a burocracia, embora com o seu papel muito importante à administração pública, não consegue estar à altura de responder", reconheceu.