Incêndios

Cerca de 50 pessoas retiradas das casas devido a fogo em Sintra

Cerca de 50 pessoas retiradas das casas devido a fogo em Sintra

Cerca de 50 pessoas foram esta quarta-feira retiradas das suas casas na localidade da Venda Seca, concelho de Sintra, por precaução, devido ao incêndio que deflagra na serra da Carregueira, disse a presidente da União de Freguesias de Queluz e Belas.

Em declarações à agência Lusa cerca das 18.25 horas, Paula Alves referiu que os moradores foram retirados das habitações devido à imprevisibilidade da direção do fogo, tendo em conta o vento que se faz sentir na zona. "O vento não está a ajudar", reforçou.

Contactada pela Lusa, fonte da Proteção Civil de Sintra, no distrito de Lisboa, indicou que foram evacuadas 10 habitações, abrangendo "cerca de 30 pessoas", numa operação levada a cabo pela polícia municipal, com o apoio do regimento de comandos da Carregueira.

A mesma fonte acrescentou que foram retirados cerca de 15 animais e que "a situação está controlada".

A Proteção Civil de Sintra referiu também que um bombeiro sofreu ferimentos ligeiros.

De acordo com a página da internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, consultada pela Lusa cerca das 18.40 horas, combatem este incêndio 358 operacionais, apoiados por 105 veículos e cinco meios aéreos.

O incêndio teve início às 15.20 horas, numa zona de mato, junto ao Estabelecimento Prisional da Carregueira e do Centro de Tropas e Comandos, disse, anteriormente, fonte da Proteção Civil.