Acidente

Ambulância atropela mulher junto ao Hospital Amadora-Sintra

Ambulância atropela mulher junto ao Hospital Amadora-Sintra

Uma mulher de cerca de 75 anos foi atropelada, esta sexta-feira, junto ao Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca - HFF (Amadora-Sintra), no distrito de Lisboa, por uma Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) que havia sido chamada para uma ocorrência.

Num comunicado enviado às redações, o HFF e o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) adiantam que o acidente aconteceu pelas 19.44 e que a VMER seguia "em marcha de emergência assinalada".

"O acidente ocorreu à saída do Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca (HFF), no momento em que a VMER iniciava o percurso para uma ocorrência para a qual havia sido acionada pelo Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) do INEM momentos antes", lê-se no comunicado.

De acordo com os serviços de emergência, a vítima recebeu de imediato assistência por uma equipa da VMER e foi transportada para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, onde permanece com prognóstico reservado.

Para socorrer a idosa foram acionados uma VMER do Hospital de São Francisco Xavier (Lisboa), uma Ambulância de Emergência Médica (AEM) e uma Unidade Móvel de Intervenção Psicológica de Emergência (UMIPE).

O INEM refere que se encontra a prestar apoio à equipa da VMER envolvida no acidente, através do Centro de Apoio Psicológico e Intervenção em Crise (CAPIC).

"O INEM e o HFF lamentam profundamente o sucedido. A ocorrência de uma situação como a verificada - no exercício da missão diária das equipas de emergência, que procuram precisamente salvar vidas - é motivo de grande consternação, sendo naturalmente um momento também extremamente difícil e doloroso para as duas instituições", referem as entidades no comunicado conjunto.

PUB

Tanto o HFF como o INEM, conclui, vão continuar a acompanhar a evolução do estado de saúde da vítima e a prestar apoio que se revele necessário.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG