Incêndios

Dominado fogo de Portas do Ródão em Nisa

Dominado fogo de Portas do Ródão em Nisa

O incêndio florestal de Portas do Ródão, em Nisa, distrito de Portalegre, foi dominado esta sexta-feira.

O fogo foi dominado às 13.35 horas, indica a página da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) na internet.

O alerta deste incêndio na freguesia de Santana, que motivou a ativação do Plano Municipal de Emergência e Proteção Civil de Nisa, foi dado às 21.34 horas de terça-feira.

O fogo teve origem no de Vila Velha de Ródão, distrito de Castelo Branco, que passou na terça-feira à noite o rio Tejo e chegou ao concelho vizinho de Nisa, através do monumento natural das Portas de Ródão.

Este era o fogo florestal que a Proteção Civil ainda destacava ao início da tarde como "ocorrência importante".

Fonte da Proteção Civil adiantou à agência Lusa que, ao início da tarde, se mantinha no teatro de operações um total de 254 operacionais, com o apoio de 73 veículos e de oito meios aéreos, incluindo três espanhóis.

O outro fogo de Nisa, em Albarrol, na freguesia de Arez e Amieira do Tejo, que levou à retirada de pessoas de várias aldeias, entrou em fase de resolução às 06.11 horas.

O fogo em Albarrol tinha tido origem, na quarta-feira à noite, no incêndio de Mação, no distrito de Santarém.

Os fogos em Nisa obrigaram à evacuação de várias aldeias, mas todas as pessoas retiradas, sobretudo idosas, já regressaram às suas casas, não havendo registo de danos pessoais, nem de habitações ardidas.

As chamas destruíam uma área ainda por determinar de mato e arvoredo e ameaçaram várias povoações e a central hidroelétrica da barragem do Fratel, além de terem obrigado ao corte de estradas na zona.