Transportes

Autocarros da RodoAmarante começam a circular a 1 de setembro

Autocarros da RodoAmarante começam a circular a 1 de setembro

A RodoAmarante, empresa que venceu a concessão do serviço público de transporte rodoviário de passageiros no município de Amarante, vai iniciar a operação no próximo dia 1 de setembro.

Formada por um consórcio entre a Vale do Ave Transportes e a Ovnitur, tendo cada uma 50% do capital social, a RodoAmarante inicia a concessão com cerca de 40 funcionários e uma frota de 36 autocarros, que irão percorrer 28 linhas e mais de 800 paragens, nas 26 freguesias do concelho de Amarante.

Os títulos de transporte já se encontram à venda no Terminal Rodoviário de Amarante. A título de exemplo, um passe mensal de utilização ilimitada no concelho de Amarante custa 30 euros para o público em geral e 15 euros para pessoas com mais de 65 anos de idade.

Já os passes mensais urbanos, a utilizar nas linhas mais próximas do centro de Amarante, custam 15 euros para o público em geral e 7,5 euros para estudantes ou idosos.

"O nosso compromisso é ligar as pessoas e ligar as freguesias de Amarante, com máxima qualidade, segurança e profissionalismo, proporcionando à população soluções de mobilidade adequadas às suas necessidades e aos novos tempos", afirma Fernando Salgado, um dos gerentes da RodoAmarante.

O concurso público internacional foi lançado pela Câmara Municipal de Amarante em 20 de abril de 2020, por um valor base de 1,5 milhões de euros, contemplando a exploração das linhas do concelho com caráter de exclusividade por um prazo de cinco anos.

A RodoAmarante foi a única empresa a concorrer, tendo a concessão sido adjudicada em 19 de agosto de 2020, pelo montante de 1.480.000,00 €. O contrato foi assinado em 6 de janeiro último, avançando agora a operação, após o necessário visto do Tribunal de Contas.

PUB

O volume de negócios estimado para os cinco anos da concessão é de 6,4 milhões de euros. "A RodoAmarante definiu um plano de negócios sólido, estabelecendo parcerias com fornecedores reputados no mercado na área de frota, bilhética e sistemas de apoio à exploração", afirma Fernando Salgado, que classifica a entrada em funcionamento do serviço como "um novo tempo em todo o concelho de Amarante".

"Vamos encurtar distâncias, economizar tempo e trazer mais dinâmica a Amarante. A partir de agora, a RodoAmarante é um dos pilares do desenvolvimento social e económico de Amarante e da região", considera o gerente da empresa.

Entretanto, a RodoAmarante já distribuiu informação sobre o serviço nas Juntas de Freguesia de Amarante e colocou-se à disposição dos autarcas para a realização de sessões públicas de informação e esclarecimento sobre o serviço.

"A Câmara Municipal e as Juntas de Freguesia do concelho de Amarante são parceiras fundamentais da RodoAmarante. Queremos uma ligação direta permanente, para uma avaliação constante do serviço prestado e introdução de melhorias possíveis e necessárias", explicou Fernando Salgado, frisando que "o sucesso do serviço depende deste diálogo contínuo".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG