Investimento

Vila de Baião vai ter um parque urbano

Vila de Baião vai ter um parque urbano

A Câmara de Baião está a projetar a construção de um parque urbano com cerca de cinco hectares na sede do concelho. O parque, que vai ter áreas de lazer e de desporto, irá localizar-se entre a zona do Tijelinho e a rua de Entreparedes.

A infraestrutura "em grande parte" ficará instalada num terreno de 36 900 metros quadrados, situado junto à variante da vila de Baião, adquirido recentemente pela autarquia "para resolver" uma dívida antiga a privados. "Esta compra liberta a Câmara da execução de compromissos assumidos em 2001 [à data presidida pelo PSD de Emília Silva], altura em que o dono dos terrenos os cedeu para a execução da variante à vila de Baião", explica o Município baionense.

Ficou acordado, na ocasião, que a Câmara Municipal de Baião executaria a abertura de ruas e respetivas redes de infraestruturas (luz, água e saneamento). "Desde essa altura, só uma pequena parte foi executada, pelo que o valor das obras que ainda faltavam executar ascendiam, ainda, a cerca de 813 mil euros", garante fonte do Executivo do socialista de Paulo Pereira.</p>

PUB

"O terreno acabaria negociado no final de 2020 pelo valor de 665 mil euros", acrescenta a fonte.

O parque urbano irá dispor de zona com espaços desportivos, áreas com divertimentos para crianças, "mas também para pessoas de todas as idades". "Será um parque extenso, com várias zonas de convívio, caminhadas e repouso e que proporcionará momentos de bem-estar e de confraternização. Vai dispor ainda de estacionamento e de áreas de apoio", pode ler-se no esboço do projeto.

Além do parque urbano, o projeto prevê também a construção de habitação - haverá lotes para esse efeito - "com o objetivo de aumentar as oportunidades de fixação de famílias em Baião, aumentando o número de terrenos disponíveis para construção", justifica a câmara.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG