O Jogo ao Vivo

Festival

Comida de rua mundial e vinhos verdes juntam-se em Felgueiras

Comida de rua mundial e vinhos verdes juntam-se em Felgueiras

Cachorros, hambúrgueres, sandes "gourmet", espetadas italianas, wraps, waffles, gelados e os melhores vinhos de Felgueiras cruzam-se na Praça Dr. Machado de Matos, em Felgueiras, até domingo. A meta é mostrar que os vinhos do concelho se harmonizam com qualquer comida do mundo, dinamizando a economia local.

A primeira edição do "Vinho Verde de Felgueiras & Street Food" conta com seis rulotes e seis produtores de vinho. Há provas de vinho comentadas e apresentações de cozinha, para os mais velhos. E animação e insufláveis para os mais novos.

Felgueiras assume-se "como o maior produtor de Vinho da Região Demarcada dos Vinhos Verdes", com uma produção de 10,9 milhões de litros, cerca de 15% da produção total na campanha 2018/19. Os vinhos da região, exportados para dezenas de mercados em todo o mundo, harmonizam com uma grande diversidade de comidas. E a "street food", que mostra os sabores do mundo, casa bem com os vinhos locais, defendem os felgueirenses.

Nuno Fonseca, presidente da Câmara de Felgueiras, que promove o evento em parceria com vários agentes, destaca a importância das sinergias criadas para promover este produto local. "Os vinhos de Felgueiras ligam bem com tudo e esta é uma forma de vincarmos o que temos de bom e único nesta região, dando uma oportunidade aos produtores de mostrarem o potencial do seu produto", disse ao JN, frisando a importância dos vinhos verdes na economia local e o seu potencial de criação de emprego.

Esse peso do vinho na economia local é reconhecido por todos. Só a Cooperativa Terras de Felgueiras produz cinco milhões de litros de vinho verde e exporta 30% da sua produção para cerca de 30 países, sobretudo mercados como a Rússia, o Brasil e os Estados Unidos da América. A produção tem crescido. "A título de exemplo, têm sido roubadas zonas de floresta para plantar vinhas", refere Rui Pinto.

"A nossa marca tem implantação local, nacional e internacional, mas é sempre bom mostrar aos felgueirenses os nossos vinhos", sustenta o engenheiro. "Tentamos criar uma conjugação da street food e vinhos verdes e ver como casam. Acho que vão casar bem, porque este é um vinho fresco e jovem. Estamos a pensar replicar este evento no próximo ano com maior envergadura", acrescenta.

PUB

Quem instalou as suas rulotes de comida de rua na Praça felgueirense também acredita na ligação entre os vinhos e a sua comida. Filipe Pereira foi "chef" de um restaurante durante 10 anos, mas estava cansado dessa "prisão" e criou a "Pão com Segredos" em 2015.

Natural de Vila Nova de Gaia, tem percorrido todo o país. "A street food permite fazer o que gostamos e sermos livres", afirma. Apostou em sandes "gourmet" e garante que "sandes e vinho não podiam ligar melhor".

Também Rodrigo Reis, da "Veru Street Food", projeto recentemente instalado em Portugal, acredita neste potencial. Vendem espetadas à moda de Itália. "A carne de frango e a carne de porco harmonizam bem com o vinho verde aqui da região. Nada melhor que proteína e vinho", alega o brasileiro. Além de fazer negócio, a visita a Felgueiras será aproveitada para fazer turismo e criar contactos. "Temos uma garrafeira em Óbidos e queremos fazer contactos comerciais com os produtores de vinho", adianta.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG