O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Equipa de Felgueiras ajuda a despistar casos à distância

Equipa de Felgueiras ajuda a despistar casos à distância

Técnicos estão a fazer inquéritos epidemiológicos no ACES Almada-Seixal para garantir resposta atempada.

É a partir da Biblioteca de Felgueiras que cinco técnicos do Município e um voluntário ajudam a seguir casos positivos de infeção por SARS-CoV-2 e a despistar contactos de alto risco na área da Unidade de Saúde Pública do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Almada-Seixal. Criada quando o concelho atravessava um período de maior incidência de casos, a Equipa Multidisciplinar de Apoio ao utente com covid-19 já acompanhou cerca de 3600 infetados ou em isolamento profilático em Felgueiras. Agora, disponibilizou ajuda na realização de inquéritos epidemiológicos a regiões mais afetadas.

Felgueiras foi um dos primeiros concelhos do país a ter casos positivos de covid. Quando, em novembro, foram tomadas medidas mais restritivas, devido a um pico de casos em Lousada e Paços de Ferreira, foi criada esta equipa, tendo o mesmo acontecido nesses concelhos que integram o ACES Vale do Sousa Norte. A meta foi auxiliar a unidade de saúde pública a realizar os rastreios, cujo atraso "estava a contribuir para o aumento dos casos", resume a vereadora da Saúde da Câmara de Felgueiras.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG