Exclusivo

Linha do Souto sai do Dragão rumo ao centro de Gondomar

Linha do Souto sai do Dragão rumo ao centro de Gondomar

Ligação, que custa 140 milhões de euros, servirá o Parque Oriental e os bairros do Cerco e do Lagarteiro, no Porto. Composições levarão passageiros ao Hospital Fernando Pessoa.

A segunda linha de Gondomar aproximará a zona Oriental do Porto dos centros de Valbom e de Gondomar. Com um custo estimado de 140 milhões de euros, esta ligação levará os passageiros das Antas até S. Cosme, servindo os bairros sociais do Cerco e do Lagarteiro, na Invicta, e o Hospital Fernando Pessoa.

O percurso, de 6,7 quilómetros, terá nove estações. Apenas uma já existe, que é a Estação do Dragão. As restantes são novas. A solução, quase toda à superfície e com apenas dois túneis na saída das Antas, no Porto, e na zona da Lagoa, em Valbom, nasceu de uma proposta da Câmara de Gondomar, que a recente avaliação de procura, feita sob a coordenação de Paulo Pinho, da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), elegeu como melhor opção.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG