Municípios

Ativado Plano Municipal de Emergência no Marco de Canaveses

Ativado Plano Municipal de Emergência no Marco de Canaveses

A Câmara do Marco de Canaveses ativou, às 17 horas deste domingo, o Plano de Emergência Municipal, face à pandemia de Covid-19. O objetivo é garantir esforços conjuntos para impedir mais contágios. Para já, há quatro casos no concelho.

O objetivo é garantir que "todos os organismos públicos e privados e, principalmente, os cidadãos, integram organizadamente o esforço crucial de diminuir/impedir os contágios".

A ativação do Plano de Emergência Municipal, diz a presidente da Câmara, justifica-se com "a necessidade de conter eventuais linhas de contágio face à evolução da situação epidemiológica" da pandemia e, principalmente, de "preparar o melhor possível" o apoio que as autoridades entenderem adequado "para responder ao grande aumento que se prevê das necessidades das populações que venham a ser direta ou indiretamente afetadas".

O esforço para ajudar os serviços de saúde a manterem a melhor capacidade de resposta obrigou a "alterações excecionais na organização dos serviços públicos e no tecido empresarial, com impacto direto na normalidade da vida das populações".

Assim, foram identificados como objetivos mais relevantes a atingir com a ativação do Plano Municipal de Emergência a diminuição dos eventuais futuros contágios, a garantia de equipamentos de proteção individual, a tomada de medidas conducentes à manutenção dos serviços públicos básicos e o regular fornecimento de produtos e bens essenciais ao circuito comercial que serve a população.

"As semanas que se avizinham serão altamente desafiantes e por isso apelo que todos cumpram com serenidade as recomendações das autoridades", concluiu Cristina Vieira.

A Autoridade de Saúde Concelhia registou, este domingo, um novo caso confirmado de Covid-19, sendo agora quatro o número total de casos no concelho do Marco de Canaveses.

Outras Notícias