O Jogo ao Vivo

Estado de emergência

Câmara de Marco de Canaveses antecipa abertura do comércio para as 9 horas

Câmara de Marco de Canaveses antecipa abertura do comércio para as 9 horas

A Câmara Municipal decidiu antecipar em uma hora o horário para abertura de estabelecimentos comerciais, permitindo que este se faça a partir das 9 horas.

Refira-se que, desde o decreto do estado de emergência decretado no dia 9 de novembro, ficou determinado que o horário para abertura de estabelecimentos comerciais era para as 10 horas. Esta nova mudança de planos, segundo a autarquia marcuense, "tem efeito imediato e é tomada em articulação com a Associação Empresarial do Marco de Canaveses, tendo obtido parecer favorável das autoridades de saúde e segurança".

O objetivo, explica a fonte da Câmara Municipal, "é contribuir para mitigar os constrangimentos causados pela obrigatoriedade de encerramento antecipado, nomeadamente aos fins de semana".

A câmara ressalva, no entanto, que aguarda o conjunto de medidas a definir pelo Conselho de Ministros e alerta para o cumprimento escrupuloso das regras nesta fase difícil de contenção da pandemia. "A responsabilidade está no comportamento de cada um", acrescenta o executivo da socialista, Cristina Vieira.

A decisão agora tomada pelo município marcuense surge no momento em que cresce a contestação à decisão do Grupo Jerónimo Martins, em abrir os supermercados Pingo Doce, aos fins de semana, às 6.30 horas -- medida que já foi retirada.

No município vizinho de Penafiel, o autarca local, Antonino de Sousa (PSD/CDS), fez saber pelas redes sociais que "se depender da câmara" os hipermercados "não serão autorizados" a abrir de madrugada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG