Acidente

Condutor de moto TT morre após colisão em Marco de Canaveses

Condutor de moto TT morre após colisão em Marco de Canaveses

Um motociclista do Marco de Canaveses morreu, este domingo ao final da tarde, no Hospital de S. João, no Porto, na sequência de um acidente.

O alerta foi dado por volta das 13 horas.

A vítima, Carlos Magalhães, de 34 anos, pai de dois filhos menores, residente em Oliveira, na freguesia de Soalhães, não resistiu aos ferimentos, acabando por falecer no hospital portuense para onde tinha sido transportado de emergência e com acompanhamento da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Vale do Sousa.

O acidente ocorreu no início da Avenida Europa, nas imediações da estação do Marco de Canaveses. A mota todo terreno (TT) guiada por Carlos Magalhães, que circulava no sentido Marco-Soalhães, chocou, logo após "ter saído" da Rotunda do Ferroviário, com uma carrinha que, em sentido contrário, subia a avenida, apurou o JN.

Carlos Magalhães, empregado da construção civil, "era um apaixonado pelo Enduro que praticava, por amadorismo, aos fins de semana, como se fosse um xanax, para relaxar", descreveu ao JN, Miguel Pereira, amigo com quem partilhava a paixão das motas todo terreno. Os dois tinham-se separado momentos antes do acidente depois de terem passado a manhã de domingo em passeio de todo terreno.

INEM, Bombeiros e GNR do Marco estiveram no local.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG