Autárquicas

António Parada candidata-se a Matosinhos como independente

António Parada candidata-se a Matosinhos como independente

O ex-presidente da Junta de Freguesia de Matosinhos, António Parada, anunciou esta quarta-feira que é candidato independente à câmara nas próximas eleições autárquicas de outubro, encabeçando o Movimento de Cidadãos de Matosinhos - SIM.

António Parada, diretor técnico da Docapesca, candidatou-se nas autárquicas de 2013 pelo PS e, após 35 anos de militância no partido, decidiu desfiliar-se a 21 de abril em rotura com a Federação Distrital, nomeadamente com o seu presidente, pela forma como conduziu o processo de escolha do candidato do partido às eleições deste ano, a deputada Luísa Salgueiro.

Em comunicado enviado à Lusa, o candidato realça que a sua candidatura é "livre de qualquer condicionalismo partidário" e tenciona envolver toda a sociedade civil nesta sua corrida assente nos princípios da solidariedade e da cidadania.

"Estamos perante um grupo de cidadãos que merecem toda a credibilidade e que estão desprendidos de qualquer interesse", disse, sublinhando que "era praticamente impossível não dizer SIM".

A acompanhar António Parada, que assinou a declaração de princípios do Movimento de Cidadãos de Matosinhos, está, como número dois, a docente e presidente do Conselho Geral da Escola Secundária Augusto Gomes, Emília Fradinho, e como candidato à presidência da Assembleia Municipal o chefe do Serviço de Pediatria do Hospital Pedro Hispano, Aires Pereira.

O independente revelou que, ainda este mês, irá anunciar os nomes dos candidatos à presidência das juntas de freguesia do concelho.

ver mais vídeos