Exclusivo

Marido morreu de covid: "Ou pago a renda ou coloco comida em casa"

Marido morreu de covid: "Ou pago a renda ou coloco comida em casa"

Viúva com três filhos, de Matosinhos, vive situação desesperada. Marido morreu em janeiro com covid-19.

Agostinho era "o melhor amigo, o companheiro de toda a vida" de Andreia. Tinha 48 anos, era saudável, mas morreu em janeiro com covid-19, deixando três filhos, de 10, 14 e 20 anos. A vida da mulher, de 41 anos, ficou "sem chão". Nos dias que passa a chorar, porque ainda não conseguiu fazer o luto, Andreia tenta encontrar uma solução para morar com os filhos, uma vez que sozinha não consegue pagar a renda atual de 600 euros.

"A covid-19 era uma coisa que dava na televisão e todos tínhamos muito cuidado. Então o Agostinho [operário da construção civil] não facilitava, sempre de máscara. De repente, de forma abrupta, estava na nossa casa", contou Andreia, ainda incrédula como a vida deu uma volta de 180 graus.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG