O Jogo ao Vivo

Matosinhos

NorteShopping e MarShopping sem legionela

NorteShopping e MarShopping sem legionela

Os dois centros comerciais de Matosinhos não acusaram legionela nas respetivas torres de refrigeração.

A delegação de saúde pública de Matosinhos informou, esta sexta-feira, o MarShopping de que as análises à torre de refrigeração do centro comercial se revelaram negativas à presença de legionela. Também o NorteShopping garante que, em análises realizadas a 27 de outubro e 12 de novembro, teve resultados negativos.

"A Delegação de Saúde Pública de Matosinhos informou hoje a Administração do Mar Shopping Matosinhos que as análises à presença de legionela na torre de refrigeração do centro comercial tiveram um resultado negativo", afirma, em comunicado, a administração do MarShopping Matosinhos. A conclusão, diz ainda, bate certo com a análise realizada, por uma empresa externa, a 13 de novembro, a pedido da administração do centro comercial. O MarShopping nota ainda que faz a "monitorização mensal dos seus pontos de água".

Por sua vez, também o NorteShopping garante não ser a origem do surto. O centro comercial fez, em 15 dias, duas análises com resultados negativos para a legionela aos seus sistemas de ar condicionado. Explica ainda que tem, há vários anos, um programa de prevenção e monitorização do sistema, destinado a prevenir a bactéria, que inclui "a realização de análises periódicas por entidades externas certificadas"

Longa Vida continua à espera

A Longa Vida continua à espera dos resultados finais do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, depois de, na quinta-feira, ter sido afastada a hipótese de ser a Ramirez a fonte do surto de legionela que está a afetar os concelhos de Matosinhos, Vila do Conde e Póvoa de Varzim. Nos três municípios, desde 29 de outubro, 85 já foram diagnosticadas com a doença dos legionários, sendo que nove morreram.

PUB

Depois de uma análise preliminar positiva que levou ao encerramento de uma das torres de refrigeração da Ramirez, os resultados finais, divulgados ontem, deram negativo. A autoridade de saúde autorizou a retoma de atividade da torre, que, entretanto, explica a ARS/Norte, foi "submetida a diversos processos de higienização e purga, tendo ainda sido instalado um dispositivo de desinfeção automático".

Outras Notícias