O Jogo ao Vivo

"O Maior da Minha Aldeia"

Abóbora de 825 quilos vence concurso internacional em Paredes

Abóbora de 825 quilos vence concurso internacional em Paredes

Durante cerca de cinco horas, quase sempre debaixo de chuva, algumas dezenas de pessoas foram aguardando, curiosas, os resultados do 1.º Concurso Internacional de Hortícolas Gigantes em Portugal - "O Maior da Minha Aldeia", que aconteceu em Aguiar de Sousa, Paredes.

Primeiro foram os melões e as melancias, mas o que gerou mais expectativa foi a pesagem das abóboras "gigantes", que tiveram de ser carregadas por uma máquina até à balança. O suspense manteve-se até ao final.

A maior abóbora em competição veio de Espanha, com 825,5 quilos. Superou em quase cem quilogramas o segundo lugar, também de Espanha, que atingiu os 728,5 quilos. O terceiro posto foi para o Algarve, com uma abóbora de 416 quilos. O maior fruto produzido em Paredes, pelos irmãos José Pereira Coelho e Fernando Pereira, chegou aos 401 quilos.

Não há segredos

Foram também para espanhóis os prémios de maior melancia - 93,5 quilos - e maior melão - 8,1 quilo.Os prémios atribuídos variaram entre os 100 e os 1000 euros.

Ruben Mendi, que produz frutos gigantes há 10 anos, ganhou quer a categoria da maior abóbora quer a de maior melão. "Neste ano tive muita sorte e saíram grandes. Quando vim não sabia o que havia em Portugal, mas com uma abóbora tão grande pode-se esperar ganhar", assume, contando que já venceu concursos em Espanha, mas também noutros países da Europa. Segredos não há. "É a sorte, o clima, a preparação do terreno, a dedicação e 10 anos de experiência", resume.

Jorge Monfort, também espanhol, já teve outras melancias gigantes. A maior deste ano participou noutro concurso há uma semana. Tinha mais 500 gramas. "Não sabia o que se ia passar aqui, mas fiquei contente. Foi uma viagem de 11 horas, mas valeu a pena", diz.

Este foi o primeiro ano em que se realizou este concurso promovido pela Câmara de Paredes.

Exposição e entrega de prémios

Hoje, as abóboras continuarão expostas no Parque da Senhora do Salto, onde haverá gastronomia e música. Serão entregues os prémios às 15.30 horas e haverá uma atuação de Saul pelas 17. A ação integra o plano de desenvolvimento do sul do concelho de Paredes.