Comemorações

Paredes homenageia o seu "rei" que ajudou a fundar o JN

Paredes homenageia o seu "rei" que ajudou a fundar o JN

Em 2021, a Câmara de Paredes vai aproveitar as comemorações dos 200 anos do nascimento de José Guilherme Pacheco, uma homenagem ao antigo presidente da Autarquia que marcou o desenvolvimento do concelho, para apostar num momento de reflexão para pensar o futuro do território. José Guilherme Pacheco foi co-fundador do Jornal de Notícias.

Segundo afirmou Alexandre Almeida, presidente da Autarquia, na apresentação do programa das celebrações, o Município vai realizar uma série de inquéritos junto de algumas instituições (empresariais e de ensino, entre outras), para ajudar a definir o que se pretende para Paredes no futuro. "A ideia é envolver a população. É um trabalho que não pode ser feito só por nós", sustentou o edil.

O presidente da Câmara salientou o contributo de José Guilherme Pacheco para o crescimento de Paredes, caracterizando-o como "uma das mais ilustres referências" do concelho. Prova disso é a estátua em sua homenagem no parque com o mesmo nome em frente ao edifício dos Paços do Concelho.

De acordo com o programa divulgado, o ponto alto das comemorações será uma conferência a realizar no mês de fevereiro. Serão ainda promovidos um prémio literário e artístico, que envolve as escolas, e uma exposição com objetos pessoais do antigo autarca. Outras iniciativas culturais da Autarquia terão como tema o "rei de Paredes".

Nascido no Brasil, José Guilherme Pacheco veio para Portugal ainda criança. Viria a tornar-se advogado, instalando-se no concelho de Paredes, onde se manteve durante 30 anos. Desempenhou o cargo de presidente da Câmara Municipal de Paredes ao longo de sete anos e deu importantes contributos para o desenvolvimento do concelho, como a chegada do telégrafo, a conquista da passagem do comboio e a construção de várias escolas, refere o Município.

Com uma vida marcada por intensa atividade, José Guilherme Pacheco foi várias vezes eleito Deputado às Cortes, entre outros cargos.

"Rei de Paredes"
José Guilherme Pacheco ficou conhecido pelo epíteto de "Rei de Paredes", tendo presidido à autarquia de 1864-1871 e em 1878. Na linha política de Fontes Pereira de Melo, procurou promover o progresso de concelho no campo das acessibilidades, transportes, comunicações e educação.

Comissão de honra
Entre os nomes já conhecidos da comissão de honra do bicentenário estão António Sousa Pereira, reitor da Universidade do Porto, Eduardo Ferro Rodrigues, presidente da Assembleia da República, Inês Cardoso, diretora do JN, e Manuel Machado, presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses.

PUB

Outras Notícias