Penafiel

Projeto do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa vence Prémio Healthcare Excellence

Projeto do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa vence Prémio Healthcare Excellence

O projeto Clínica APIC, do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa, uma unidade de admissão centralizada de doentes para cirurgia convencional eletiva, venceu a 8.ª edição do Prémio Healthcare Excellence, atribuído pela Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares.

Segundo um comunicado de imprensa, o projeto Clínica APIC distinguiu-se por ser uma "unidade mais ágil e segura", que "centraliza num único espaço/momento todos os procedimentos administrativos de admissão e cuidados de enfermagem" relacionados com os doentes que seguem para cirurgia.

A unidade do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa - que começou a funcionar no início de setembro de 2020, nos dias úteis, entre as 7 horas e as 19 horas - permitiu "diminuir o tempo médio de internamento cirúrgico, bem como reduzir a taxa de ocupação hospitalar", segundo o comunicado.

A Clínica APIC "veio permitir um melhor planeamento da estadia hospitalar antes da intervenção cirúrgica", realça o mesmo comunicado, destacando uma "maior humanização dos cuidados e a possibilidade de fornecer acompanhamento em todo o processo (contacto personalizado entre os familiares e os enfermeiros)" e também uma "maior satisfação dos doentes e profissionais de saúde, visto que estes últimos passaram a prestar melhores cuidados e a agilizar as altas".

A tudo isto acrescem benefícios para "a segurança do doente", uma "menor taxa de complicações" e uma "menor probabilidade de risco de infeções".

O júri do prémio - no valor de cinco mil euros - assinalou ainda que o projeto tem "um grande grau de aplicabilidade" no Serviço Nacional de Saúde, podendo ser implementado em diferentes instituições hospitalares com "apenas uma reorganização de serviços".

Entre as 36 candidaturas recebidas, o júri da 8.ª edição do Prémio decidiu ainda atribuir uma primeira menção honrosa à cirurgia de ambulatório e hospitalização domiciliária em doentes em idade geriátrica com cancro da mama, do Centro Hospitalar Universitário de São João; e duas segundas menções honrosas ao sistema de rastreabilidade têxtil, do Centro Hospitalar Universitário de São João, e à prevenção de quedas, da Unidade Local de Saúde de Matosinhos.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG