Ensino

Alunos do Porto e Maia recebem computadores

Alunos do Porto e Maia recebem computadores

Foram entregues, esta manhã de segunda-feira, 670 computadores aos alunos dos Agrupamentos de Escolas do Cerco e Alexandre Herculano, no Porto, e de Pedrouços, na Maia. A entrega foi da responsabilidade da Fundação EDP que, no âmbito do Programa EDP Solidária, está a doar um milhão de euros em equipamentos para apoiar a capacitação digital do ensino.

A entrega na Escola do Cerco foi acompanhada pelo presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira.

Para Manuel Oliveira, diretor do Agrupamento de Escolas do Cerco, "o significado desta ação confirma a indispensabilidade do combate às desigualdades sociais e reafirma, no seu caráter mais nobre, que a responsabilidade social da Fundação EDP não é palavra vã. Num território marcado pela fragilidade do seu tecido económico, social e cultural, esta iniciativa, pela oportunidade de que se reveste e da forma como nos implica, permite aos nossos alunos sonhar com melhores resultados académicos, promove a coesão social e a inclusão e contribui para uma educação mais democrática".

Estas escolas estão identificadas pelo Ministério da Educação no âmbito do Programa TEIP - Territórios Educativos de Intervenção Prioritária, localizadas em territórios económica e socialmente desfavorecidos.

"A Fundação EDP está comprometida com a capacitação digital como uma forma de inclusão das crianças e jovens portugueses, no acesso à educação em todas as suas valências. O Porto foi o segundo destino onde fizemos a entrega destes computadores em três agrupamentos de escolas que enfrentam enormes desafios. Continuamos a viver tempos muito incertos e queremos garantir que mais crianças e jovens em situação de grande vulnerabilidade podem ter o acesso à escola, seja presencial ou digitalmente", sublinha Miguel Coutinho, administrador e diretor-geral da Fundação EDP.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG