Ranking

Comer por 7 euros e beber por dois: o Porto é a sétima cidade do mundo mais barata para turistas

Comer por 7 euros e beber por dois: o Porto é a sétima cidade do mundo mais barata para turistas

O Porto figura no sétimo lugar das cidades do mundo mais acessíveis para visitar em 2021, à frente de Lisboa, que segue em 15.º. Os preços das refeições e das dormidas são alguns dos critérios deste ranking.

A cidade do Porto está entre as mais acessíveis do mundo para uma escapadinha turística em 2021, de acordo com o "City Break Cost Index 2021", elaborado pelo blogue internacional de viagens Bounce, que colocou "este largo regaço aberto para o rio" na sétima posição do ranking, que analisou 75 cidades populares entre viajantes.

À frente do Porto na tabela das cidades mais acessíveis para turismo, ficou Buenos Aires (Argentina), em primeiro lugar, seguindo-se Istambul (Turquia), Rio de Janeiro (Brasil), São Petersburgo (Rússia), Cracóvia (Polónia) e Moscovo (Rússia).

A lista baseia-se na análise de uma série de custos relevantes na hora de escolher o destino turístico, nomeadamente os preços de uma noite num hotel e uma refeição num restaurante. Assim, dormir num hotel da cidade Invicta custa 131 dólares (109 euros), almoçar ou jantar num restaurante fica por 8,56 dólares (7,17 euros), uma cerveja custa 2,44 dólares (2,05 euros) e uma garrafa de vinho 4,89 dólares (4,10 euros) - tudo preços médios. Para comprar um bilhete num transporte público do Porto, bastam 1,37 euros e o preço por quilómetro de táxi fica por 51 cêntimos.

Um pouco abaixo na tabela, Portugal surge novamente representado, com Lisboa em 15.º lugar. Na capital portuguesa, o preço médio por uma noite num hotel é de 124 euros, há refeições em restaurantes por pouco mais de 9, e uma cerveja e uma garrafa de vinho custam, respetivamente, 1,86 e a 4,10 euros, tal como no Porto. Já o bilhete de transporte fica por 1,73 e a tarifa do táxi - o único critério em que o preço de Lisboa é inferior ao do Porto - fica por 48 cêntimos.

Mais caras que o Porto, e mais baratas que Lisboa, foram eleitas neste Index cidades como Budapeste, na Hungria, Kuala Lumpur, na Malásia, Santiago no Chile, Cidade do Cabo, na África do Sul, Praga, na República Checa, Las Palmas, em Espanha, e Marraquexe, em Marrocos. Por sua vez, Lisboa ficou à frente de várias cidades espanholas, como Valência, Sevilha, Málaga, Alicante e Madrid.

PUB

Tendo por base os mesmos critérios, também foi elaborada uma lista das cidades mais caras para visitar em 2021. Zurique, na Suíça, Reiquiavique, na Islândia, e Genebra, também na Suíça, ocupam, por ordem, os três primeiros lugares.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG