Exclusivo

Construção na praia do Ourigo continua de pé

Construção na praia do Ourigo continua de pé

Há ordem para demolir, mas passaram-se três meses e nada foi feito na estrutura, no Porto. Ministério do Ambiente remete para a APA.

No final de maio, o ministro do Ambiente, Matos Fernandes, garantiu que o equipamento em início de construção na praia do Ourigo, na Foz, no Porto, ia ser demolido. No começo de junho, a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) determinou a suspensão imediata e a demolição da obra. Mas, passados três meses, embora a empreitada tenha parado, a estrutura de betão continua de pé.

A parte em madeira está a deteriorar-se e quem passa no local com frequência, como é o caso de Manuel Mata, morador em Lordelo (Porto), diz que o equipamento, à noite, "serve para fazer as necessidades", pois encontra-se sem uso, apesar de murado. O objetivo da promotora "Preparasurpresa" seria reconstruir e ampliar o antigo restaurante "Shis".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG