Porto

Demolição de supermercado da droga preparada em segredo

Demolição de supermercado da droga preparada em segredo

A Câmara do Porto começou ontem a demolir a "fábrica do sabão", em Lordelo do Ouro, local de droga e prostituição. A operação foi planeada em segredo durante dois meses e deverá concluir-se esta semana.

À primeira luz do dia de segunda-feira, sem aviso prévio, as máquinas começaram a derrubar as paredes da antiga fábrica, na Rua da Pasteleira. O local, entre os bairros do Aleixo, Dr. Nuno Pinheiro Torres e Pasteleira Nova, estava abandonado há mais de uma década e era usado diariamente como supermercado de droga e "sala de chuto" por mais de 400 pessoas.

A situação agravou-se com o início da demolição do Aleixo. Segundo a Câmara Municipal, a degradação era tanta, que o local se tornou um grave perigo para a saúde pública. Havia toxicodependência, prostituição, focos tuberculosos, seringas, pulgas, ratos e amianto degradado queimado em fogueiras.

Leia mais na versão e-paper ou na edição impressa.

Outras Notícias