Exclusivo

Falta de informação e atrasos constantes no Terminal de Campanhã

Falta de informação e atrasos constantes no Terminal de Campanhã

Passageiros fazem muitas críticas ao novo espaço intermodal no Porto. Gestora garante que operação está dentro da normalidade.

Três meses depois de ter sido inaugurado, o Terminal Intermodal de Campanhã merece avaliação negativa dos passageiros. Apesar de ainda pouco utilizado pelos operadores de transportes, o espaço soma críticas por parte dos utentes que falam da falta de informação, atrasos constantes, autocarros que não aparecem e perda de viagens e de bagagens. Quando tentam reclamar, encontram apenas os seguranças sem competência para a resolução daqueles problemas.

No balcão da STCP - a Sociedade de Transporte Coletivos do Porto gere o equipamento através da STCP Serviços -, a informação prestada prende-se sobretudo com a intermodalidade e a oferta em articulação com os restantes modos de transporte. Mas a maioria dos utentes que ali se dirige é para protestar pela forma como são tratados pelas operadoras e, entre elas, a FlixBus é a campeã das reclamações. "Está a ver o que acontece nos aeroportos com as empresas low-cost da aviação? Quando ficamos sem voo, ninguém aparece a dar explicações e acabamos por ficar sem dinheiro e passagem? Pois, aqui é a mesma coisa!", refere a passageira Joana Martins Silva.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG