Porto

Funcionárias de limpeza do metro recusam trabalhar por falta de proteção

Funcionárias de limpeza do metro recusam trabalhar por falta de proteção

Cerca de 100 funcionárias de limpeza da empresa privada que presta serviço no Metro do Porto recusaram trabalhar este domingo "por falta de material de proteção" da Covid-19, como luvas e desinfetante.

"Faltam luvas e desinfetante. Até haver luvas e desinfetante, as cerca de 100 trabalhadoras recusam trabalhar. Todos os funcionários, sejam da empresa do Metro ou de empresas ao serviço do Metro, têm de estar protegidos face ao coronavírus", disse Eduardo Teixeira, do Sindicato dos Trabalhadores de Serviços de Portaria, Vigilância, Limpeza, Domésticas e Atividades Diversas (STAD).

O responsável alertou que o plano de contingência da empresa Metro do Porto "deve ser abrangente a todos os trabalhadores" e garantir que empregados de empresas privadas contratadas, seja de segurança ou limpeza, "estão tão protegidos como os do Metro". Caso contrário, colocam-se em risco e colocam em risco os restantes funcionários.

O sindicalista esclareceu que, com isto, não pretende dizer que tem de ser a Metro do Porto a resolver o problema, mas que a questão tem de ser resolvida, sob pena de colocar em causa o restante esforço do plano de contingência. "O plano de contingência da empresa só avança se todos os trabalhadores estiverem protegidos", vincou, em declarações à agência Lusa.

Contactada pela Lusa, fonte da Metro do Porto revelou estar a intervir junto da Via Porto, que detém a concessão do serviço, para "tentar resolver rapidamente" o problema junto da Iberlim, a empresa de limpeza em causa.

PUB

Eduardo Teixeira, da STAD, disse à Lusa que já esteve em contacto com a empresa e que esta vai "ver qual o material que têm em stock para resolver o problema". A questão, avisou o sindicalista, é que "as empresas estão a começar a ficar com dificuldades em adquirir material de proteção", pois "todo o stock disponível está a ser direcionado para o Serviço Nacional de Saúde".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG