Porto

Grua caiu devido a "cavilhas obsoletas", diz sindicato

Grua caiu devido a "cavilhas obsoletas", diz sindicato

A grua caiu devido às "cavilhas obsoletas" da base, referiu ao JN o presidente do Sindicato da Construção de Portugal, depois de ter estado no local do incidente que, na tarde deste sábado, causou danos em nove casas na zona das fontainhas, no Porto.

"Esta grua já não devia estar a operar, porque já fez milhares de horas. Devia era ir para a Siderurgia Nacional", disse-nos Albano Ribeiro.

Por outro lado, o dirigente sindical afirmou que "em cada dez trabalhadores que estão no setor, só dois têm contrato estável. Os outros não têm, nem fazem descontos para a Segurança Social, nem têm direito a subsídio de férias".

A grua foi instalada pela Somirav, empresa criada em Guimarães em 1990 e especializada em aluguer, venda, manutenção deste tipo de equipamentos.

Segundo os moradores, o prédio em causa está em obras há uns meses, pertence a um investidor inglês e está a ser readaptado para alojamento local.

Outros Artigos Recomendados