Premium

Aumenta oferta privada para alojar estudantes no Porto

Aumenta oferta privada para alojar estudantes no Porto

A escassez da oferta pública e o crescimento do turismo, que fez disparar os preços dos quartos, também resultou em mais investimento de privados no negócio das residências para estudantes.

Há vários projetos em curso e em vias de avançar, incluindo empreendimentos de luxo. Na mira dos empresários estão os polos da Asprela e do Campo Alegre, no Porto, devido à proximidade às faculdades.

Na Academia do Porto, que engloba a Universidade e o Instituto Politécnico, existem cerca de 1300 camas para 23 mil alunos deslocados. Sem teto no público, os estudantes são atirados para o mercado de arrendamento, onde encontrar um quarto a um bom preço e perto da faculdade não é tarefa fácil. E os investidores privados viram uma oportunidade de negócio.