Premium

Câmara do Porto não tem autonomia para mudar trajeto de linhas da STCP

Câmara do Porto não tem autonomia para mudar trajeto de linhas da STCP

Gondomar e trabalhadores da STCP rejeitam ida para o Dragão. Marco Martins avisa que as alterações de percurso têm de ser decididas na Área Metropolitana do Porto.

A Câmara do Porto não tem autonomia legal para alterar sozinha percursos de carreiras intermunicipais. O aviso é do presidente da Câmara de Gondomar, Marco Martins, que considera "inaceitável" a mudança do término de 13 linhas da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP), da Gondomarense, da Valpi e da Pacense do centro da cidade para o Dragão. Também as organizações representativas dos trabalhadores da STCP contestam a decisão camarária, receiam a perda irremediável de clientes e solicitam reuniões urgentes ao Município do Porto, à STCP e à Área Metropolitana do Porto (AMP).

ver mais vídeos