O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Mais um verão limitado pode deixar jovens com sequelas

Mais um verão limitado pode deixar jovens com sequelas

Diminuição do contacto com os amigos pode ter impactos sociais no futuro, avisa especialista. Famílias em alerta, mas adolescentes garantem cumprir todas as regras.

Mudaram-se os tempos, mas não as vontades. Adolescentes e jovens vivem o segundo verão condicionado pelas restrições impostas pela pandemia, que lhes reduziu os grupos de amigos com quem habitualmente passavam grande parte das férias. Os mais velhos são quem sente maior frustração na mudança de rotina, enquanto os mais novos mostram maior receio do vírus. Para os pais, a preocupação é transversal.

Sofia Ramalho, vice-presidente da Ordem dos Psicólogos, deixa o alerta: "A diminuição do contacto com os amigos pode ter impactos no futuro". Por isso mesmo, aconselha os pais: "É importante validar aquilo que os filhos estão a sentir. A dimensão social nos adolescentes tem uma importância muito superior à dos adultos".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG