Saúde

Manuel Pizarro homenageado no Centro Materno-Infantil do Norte

Manuel Pizarro homenageado no Centro Materno-Infantil do Norte

O "empenho" de Manuel Pizarro no processo de construção do Centro Materno-Infantil do Norte, no Porto, foi reconhecido com a atribuição do nome do ex-secretário de Estado da Saúde a uma ala do edifício.

Foi com "orgulho" e "gratidão" que Manuel Pizarro encarou a homenagem. Mas mais importante do que isso, assinalou, é reconhecer a lição que deve ser apreendida com todo este processo. O médico não esquece a contestação de que foi alvo o projeto e as dificuldades que tiveram de ser ultrapassadas para erguer o Centro Materno Infantil do Norte (CMIN), atualmente a maternidade onde nascem mais bebés no país.

"Todos aqueles que foram criando objeções e obstáculos à construção do CMIN deviam agora dizer o que pensam. O CMIN é a maior maternidade portuguesa, um espaço de excelência do ponto de vista técnico, um espaço de excelência de ponto de vista humano, reconhecido por todos aqueles que a ele recorrem, designadamente mães e crianças", afirmou Manuel Pizarro, cuja ação como secretário de Estado da Saúde foi decisiva para concretizar o projeto.

PUB

Prevista desde 1991, a construção do Centro Materno-Infantil do Norte (CMIN) enfrentou vicissitudes várias, com muita polémica à mistura, de tal forma que a primeira pedra só seria lançada em 2011. Na altura, era secretário de Estado da Saúde Manuel Pizarro, cujo papel determinante foi agora reconhecido com a atribuição do seu nome a uma das alas. A cerimónia, que decorreu na manhã desta sexta-feira, contou com a presença do secretário de Estado da Saúde, Lacerda Sales.

"A minha verdadeira alegria é o funcionamento do CMIN", sentenciou Manuel Pizarro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG