Solidariedade

Marcelo ouviu queixas e distribuiu afetos a quem vive nas ruas do Porto

Marcelo ouviu queixas e distribuiu afetos a quem vive nas ruas do Porto

O presidente da Republica esteve no Porto, na quinta-feira, para conhecer como funciona a estratégia de intervenção junto dos sem-abrigo e contactar com estas pessoas.

Marcelo Rebelo de Sousa reuniu com os agentes locais. Não se falou do financiamento que tarda em chegar por parte do Governo mas Marcelo fez questão de trazer com ele a Ministra do Emprego e Solidariedade Social para conhecer de perto uma realidade que requer respostas rápidas algumas delas há muito na gaveta do ministério.

Era já noite quando o Presidente andou pelas ruas distribuindo os alimentos confecionados pela Casa - Centro de Apoio ao Sem Abrigo e distribuídos pela SAOM, os Serviços de Assistência Organizações de Maria.

As mesmas instituições que, ao final da tarde participaram na reunião que na Casa Allen juntou o vereador da Habitação, Coesão Social e Educação e Coordenador do NPISA Porto, Fernando Paulo, representantes da Santa Casa da Misericórdia do Porto, entre eles o Provedor António Tavares, a delegação Norte da AMI, a Associação dos Albergues Noturnos do Porto, os Médicos do Mundo e Associação para Promoção da Saúde - Norte Vida.

Uma reunião que, nas palavras de Marcelo Rebelo de Sousa, "permitiu ouvir as experiências, as propostas, as sugestões, as questões mais críticas que se colocam às várias instituições que estão juntas nesta causa".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG