O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Metro do Porto encomenda estudo para compensar prejuízos

Metro do Porto encomenda estudo para compensar prejuízos

Empresários que estão a perder clientela devido às obras de ampliação da rede vão receber indemnizações. Negócios da Praça da Liberdade com quebras significativas.

A Metro do Porto encomendou a uma sociedade de técnicos de contas o levantamento dos negócios que estão a ter prejuízos por causa das obras de ampliação da rede. O objetivo é, nos casos em que a legislação o permita, indemnizar quem está a perder clientela devido à proximidade dos estaleiros, sobretudo estabelecimentos de comércio e restauração. Na Praça da Liberdade, por exemplo, a construção da linha Rosa - que ligará a Boavista a S. Bento - vai implicar a relocalização provisória da David Rosas e da Farmácia Vitália.

O estudo está a ser feito desde o início do ano, mas ainda não há data para o ressarcimento. Num esclarecimento enviado ao JN, a Metro do Porto lembra que as indemnizações "serão inteiramente pagas com dinheiros públicos" e que a referida análise terá de ser "rigorosa, independente e transparente".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG