Exclusivo

Parque da Asprela encravado há um ano por uma assinatura

Parque da Asprela encravado há um ano por uma assinatura

Projeto para pulmão verde no Porto aguarda decisão do Ministério das Finanças. Tutela diz que processo foi atrasado pela pandemia.

O projeto promete um vasto espaço verde com espelhos de água, atravessado por duas ribeiras, com percursos pedonais e cicláveis. O concurso público para a construção já foi lançado há mais de um ano, as obras adjudicadas em outubro, mas a criação do Parque Central da Asprela, no Porto, continua no papel, à espera de aval do Ministério das Finanças. Falta a reprogramação do Fundo Ambiental, pedida em março do ano passado. A tutela argumenta que o projeto está em avaliação e que o processo está atrasado devido à pandemia.

O futuro pulmão verde ficará entre o Parque da Ciência e da Tecnologia da Universidade do Porto (UPTec) e a Faculdade de Desporto. São cerca de 60 mil metros quadrados, nas traseiras do Hospital de S. João, com estação de metro e ladeado por várias faculdades e grandes áreas residenciais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG