O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Porto, Gaia e Matosinhos captam 52% do investimento estrangeiro no país

Porto, Gaia e Matosinhos captam 52% do investimento estrangeiro no país

"Atrair investimento" é a palavra de ordem. Por isso, Porto Gaia e Matosinhos apresentaram-se, esta terça-feira, como "a região do futuro". Os Municípios eliminaram as fronteiras entre si e chamam a indústria, o setor empresarial e o imobiliário a apostar no território como um só. Acompanhadas por 17 parceiros, as Autarquias anunciaram, esta terça-feira, a marca "Greater Porto" - Grande Porto, em português -, na Expo Real em Munique, Alemanha.

Só o Porto, Gaia e Matosinhos "neste momento, representam 52% do investimento direto estrangeiro no país", revelou Ricardo Valente, vereador da Economia na Câmara do Porto. "Temos enorme capacidade de atração de investimento e de empresas. Somos um território bom para trabalhar, para viver e para visitar", acrescentou. Com a união formal entre as três Autarquias, prevê-se, inevitavelmente, um aumento desse número.

No primeiro dia daquela que é a maior feira do imobiliário na Europa, já houve quem se mostrasse interessado no território. Luísa Salgueiro, presidente da Câmara de Matosinhos, revelou ter tido, já nesta terça-feira, uma primeira conversa com um empresário luxemburguês que, já com um estudo feito sobre uma parcela de terreno junto à Circunvalação, quer saber quais as oportunidades de investimento.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG