O Jogo ao Vivo

Porto

"Serralves em festa!" já anda pelas ruas do Porto

"Serralves em festa!" já anda pelas ruas do Porto

O "Serralves em festa" decorrerá em mais do que 48 horas do próximo fim de semana e há várias iniciativas previstas para sexta, como os "Bodies in urban spaces", que, esta quinta-feira de manhã, provocaram uma série situações inesperadas na baixa do Porto.

Perante o rapaz esticado, de pernas para ar, com o corpo enfiado entre o corrimão e a parede nas escadas de acesso à estação de metro de São Bento, a mulher não se conteve: "Você está bem? Quer suicidar-se?".

A posição daquele rapaz era estranha mas se a mulher descesse a escada poderia também ficar surpreendida com um amontoado de corpos, também vestidos com fatos de treino coloridos, juntos num monte no hall central da estação.

Eram os dançarinos do "Bodies in urban space", uma das propostas do "Serralves em festa!", que faziam um ensaio geral da sua atuação pelo centro do Porto, performance que decorrerá na sexta, pelas 12 horas e pelas 17 horas, antes de sábado se mudar para o Parque de Serralves.

A proposta do coreografo austríaco Willi Dorner, uma coprodução com o festival Imaginarius, é estabelecer "um percurso coreográfico no mapa da cidade não para a divulgar turisticamente, mas para a provocar, a refletir a observar", explica Cristina Grande, a responsável das áreas performativas de Serralves.

E os passantes não podiam deixar de ser surpreendidos por aqueles corpos coloridos que corriam de um lado para o outro, para criar novos quadros em locais absolutamente inesperados, no topo de uma cabine telefónica, numa árvore dos Aliados, no portal de uma casa abandonada na Sé.

"Por um lado procura-se ativar o ato de caminharmos na nossa cidade e, por outro lado, refletirmos sobre o espaço onde vivemos todos os dias, sobre as regras, aquilo que não que muitas vezes não temos tempo de fazer", explica ainda Cristina Grande.

PUB

Esta quinta-feira também era possível escutar a curiosa performance de "A folded path", uma sinfonia perdeste para 30 altifalantes, que devem ser transportados pelo público através de um percurso definido.

O arranque deste passeio em que cada um se transforma num instrumento e que é da responsabilidade dos Circumstance estava marcado para esta quinta-feira às 17, 19 e 22 horas no largo Mompilher e tem a duração de 45 minutos. Repete-se na sexta no mesmo horário.

Até 9 de junho, Serralves tem também em circulação as bicicletas de Kaffe Matthews que com as suas colunas e um GPS vão reproduzindo músicas e sons durante um percurso ao longo do rio Douro. Quem quiser, poderá participar nesta "Ópera FiXi", realizada em colaboração com os Visões Úteis, pedalando a partir da rua do Infante, em horários que se prolongam até às 22 horas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG