Exclusivo

Vaga de assaltos gera onda de medo no Cerco do Porto

Vaga de assaltos gera onda de medo no Cerco do Porto

O sobrolho carregado das poucas pessoas que circulam pelas ruas do Bairro do Cerco, no Porto, denuncia o clima de medo instalado pela onda de assaltos a casas e carros, e nem as associações de solidariedade social escapam.

Os apartamentos são assaltados, por vezes, mesmo na presença de moradores, para furtar essencialmente televisores e computadores. A população não duvida de que o material é recolhido para ser vendido e há quem culpe as obras de reabilitação do bairro.

Um dos assaltos a uma das habitações, cujo prédio está a ser intervencionado, ocorreu enquanto um rapaz de 17 anos dormia sozinho no quarto. O jovem não se terá apercebido da situação, mas a família já apresentou queixa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG