Apoio

Vales de descontos no comércio tradicional do Porto a partir de terça-feira

Vales de descontos no comércio tradicional do Porto a partir de terça-feira

A Câmara do Porto vai começar a distribuir na terça-feira pelos comerciantes da cidade os "vouchers (vales) de consumo" de forma a encorajar a compra no comércio de rua, local e tradicional durante a época natalícia e de final de ano. Por cada compra num montante igual ou superior a 20 euros, o cliente recebe um voucher de desconto de 2 euros

Este programa de incentivo à atividade comercial representa um investimento de 350 mil euros, correspondente aos vouchers a distribuir pelas lojas. Cada uma terá direito a 162. Nesta operação, 100 dos 162 vales serão distribuídos de forma direta sendo o principal critério o dos estabelecimentos comerciais terem porta aberta para a rua e uma dimensão nunca superior a 250 metros quadrados

Os clientes que fizerem compras no comércio tradicional num montante igual ou superior a 20 euros recebem um desconto de 2 euros.

Na reunião de Câmara realizada esta segunda-feira de manhã, o vereador do PSD Álvaro Almeida contestou o critério e defendeu que o programa de incentivo à atividade económica da cidade deveria envolver também a restauração. "É apenas um programa para comerciantes que não abrange o setor da restauração que é o mais afetado por esta crise criada pela pandemia", afirmou o social-democrata.

Também o socialista Manuel Pizarro é da opinião que "o apoio deveria ir mais longe", considerando que "o estímulo ao comércio deveria ser na ordem de um milhão de euros". Álvaro Almeida defende também uma verba maior e que sejam definidas prioridades e políticas diretas como a isenção de taxas, como a turística.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG